Quase soneto da Estagiária

– Havia uma placa bem aqui. Ontem!
– Havia, já não há mais. A vaga ocupada
Foi – Mas já? – A vaga aproveitada
por outro foi – Mas como? Você nem
viu tudo que meu currículo tem.
Agora minha graduação acabada,
minha habilidade preparada
para as oportunidades que vêm.
Deixe-me mostrar o que ele tem,
em alguma vaga serei encaixada.

-Você não é a única, outros também
tentaram entrar nessa vaga, mas
escute bem: não é ser capaz
suficiente para entrar. Alguém,
esse, suas indicações ele traz.
Senão, você não vai entrar jamais.

Lucas Juliano / cotidianofantastico.wordpress.com

Anúncios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s